NOTÍCIAS

30
May
Tudo sobre Mielomeningocele: Causas, Sintomas e Tratamento.
Tudo sobre Mielomeningocele: Causas, Sintomas e Tratamento.

A mielomeningocele um tipo de espinha bífida. A espinha bífida acontece quando a coluna vertebral de um bebê não se forma normalmente durante a gravidez. Então o bebê nasce com uma lacuna nos ossos da coluna.

A mielomeningocele é um saco que contém:

  • Parte da medula espinhal
  • Sua cobertura (chamada de meninges)
  • Fluido espinhal

Ele é empurrado pela lacuna entre a coluna e a pele, podendo ser visto nas costas do bebê.

 

Sinais e Sintomas da Mielomeningocele

 

Os sinais e sintomas de uma mielomeningocele dependem de onde ela está alocada. Uma mielomeningocele pode levar a:

  • Fraqueza, perda de sensibilidade ou dificuldade em mover partes do corpo abaixo do nível da mielomeningocele.
  • Problemas com o controle da bexiga (xixi) e do intestino (cocô)
  • Muito líquido espinhal no cérebro (hidrocefalia)
  • Problema com a formação do cérebro (malformação de Chiari)
  • Problemas de aprendizagem
  • Convulsões

Às vezes, bebês com mielomeningocele nascem com outros problemas médicos, como pé torto, curvatura da coluna, problemas no quadril, problemas cardíacos e problemas renais.

 

Outros tipos de Espinha Bífida

 

Outros tipos de espinha bífida incluem:

  • Espinha bífida oculta:

Esta é uma lacuna nos ossos da coluna, mas a medula espinhal e as meninges não a atravessam. Eles estão em seu lugar normal dentro do canal espinhal e não há abertura nas costas do bebê.

  • Meningocele:

Ocorre quando um saco que contém o líquido espinhal empurra o espaço na coluna. A medula espinhal está em seu lugar normal no canal espinhal, porém a pele sobre a meningocele geralmente está aberta.

 

Causas da Mielomeningocele

 

Todos os tipos de espinha bífida acontecem no primeiro mês de gravidez. No início, a medula espinhal do feto é plana. Em seguida, ela se fecha em um tubo chamado tubo neural. E se este tubo não fechar totalmente, o bebê nasce com espinha bífida.

Na mielomeningocele, um saco contendo parte da medula espinhal, meninges e líquido espinhal é empurrado através do espaço na coluna e na pele.

Ainda não é claro por que alguns bebês têm mielomeningocele. Mas, isso pode acontecer se a mãe não receber vitamina ácido fólico suficiente no início da gravidez.

Uma mãe também pode ter mais probabilidade de ter um bebê com mielomeningocele se ela:

  • Toma alguns tipos de medicamentos para convulsões durante a gravidez
  • Já teve um bebê com espinha bífida
  • Tem diabetes

 

Diagnóstico da Mielomeningocele

 

Durante a gravidez, um exame de sangue chamado alfa-fetoproteína (AFP) pode dizer se uma mulher tem um risco maior de ter um bebê com mielomeningocele ou não. Um ultrassom pré-natal ou ressonância magnética fetal também pode mostrar se um bebê tem esse problema.

Uma mielomeningocele que não é diagnosticada durante a gravidez também é vista quando o bebê nasce.

 

Como é tratada a Mielomeningocele

 

Após o parto, um bebê nascido com mielomeningocele precisará de:

  • Cirurgia para fechar a pele sobre a mielomeningocele (geralmente dentro de 3 dias)
  • Teste para malformação de Chiari e hidrocefalia com ultra-som, tomografia computadorizada ou ressonância magnética
  • Verificações regulares do tamanho da cabeça para ver se a hidrocefalia se desenvolve
  • Verificações regulares dos movimentos para ver como a medula espinhal e os nervos estão funcionando

Outros cuidados médicos dependerão das necessidades da criança.

Os tratamentos podem incluir:

  • Uma derivação para hidrocefalia (a derivação drena o líquido espinhal para a barriga para que não se acumule)
  • Cintas de perna para ajudar a andar
  • Uma cadeira de rodas
  • Um tubo (chamado de cateter) para ajudar a esvaziar a bexiga
  • Cirurgia na coluna ou nas pernas
  • Cirurgia para malformações de Chiari
  • Fisioterapia
  • Terapia ocupacional
  • Ajuda especial na escola

Algumas mielomeningoceles encontradas antes do nascimento podem ser tratadas com cirurgia enquanto o bebê ainda está no útero. Às vezes, isso pode diminuir as chances de o bebê ter hidrocefalia mais tarde e pode aumentar a força nas pernas da criança.

Entretanto, há riscos para a mãe e o bebê nessa cirurgia, então médicos e familiares precisam decidir juntos se essa opção é a mais adequada para eles.

Saiba mais sobre o tratamento para os sintomas e sequelas da mielomeningocele e como seus portadores e familiares podem melhorar sua qualidade de vida tendo dias mais leves »

 

Referências:

Jeffrey W. Campbell, Neurologista. Myelomeningocele. Abril, 2019. Disponível em: <https://kidshealth.org/en/parents/myelomeningocele.html>. Acesso em: 26/05/2022

Contato

Nossa equipe especializada está pronta para ajudar.

Preencha o formulário. Em breve entraremos em contato.

Se preferir, entre em contato por telefone: 

Sem título

Av. Marechal Francisco Solano López

Cidade do Leste, Paraguai

Sem título

Segunda a sexta:
08h00 às 18h00

Sem título

Av. Marechal Francisco Solano López, Cidade do Leste, Paraguai

Sem título

Segunda a sexta: 8h às 18h

A Panam Stem Cell é uma empresa de medicina regenerativa focada em terapias com célula-tronco.

©2022 - PanAm Stem Cell - Todos os direitos reservados. É permitido a reprodução total ou parcial desde que citado a fonte.